Laguna San Rafael: a estrela dos cruzeiros

Durante anos ele tem sido o destino clássico para a navegação da Patagônia e muitos sonham em beber uísque com o gelo das geleiras antigas. Até hoje continua sendo uma das maiores atrações da região.

Por GoChile

Laguna San Rafael é um fiorde localizado na região de Aysén, no parque nacional de mesmo nome e foi declarado Reserva da Biosfera pela UNESCO em 1979. Com 123 km ² de superfície, e de origem pro glaciar que flui para o grande e famoso Glaciar San Rafael, 3000 anos de antiguidade, que desagua no canal Témpanos.

Existem vários barcos que navegam a partir de Puerto Chacabuco e Puerto Montt a Laguna, uma viagem que pode levar de 6 horas a 6 dias, e onde há um número de miradores intermediários para ver os icebergs. Ao chegar ao laguna os barcos param, e fazem passeios de barcos zodiac e o brinde popular com whisky no gelo antigo. Uma tradição.

Enquanto o Sporkios navega a partir de Puerto Montt em uma viagem de 6 dias e 5 noites, catamarãs do Sul começam sua viagem de Puerto Chacabuco e Puyuhuapi Lodge & Spa, que também oferecem pacotes de hospedagem que incluem excursões diárias até a lagoa. Por outro lado, o Mare Australis, cruzeiro de luxo da empresa Navimag , faz um percurso de 5 dias e 4 noites a partir de Puerto Montt.

Outra opção para visitar a laguna é um vôo de duas horas, sem descendência, e que parte do aeródromo de Coyhaique. O avião Piper Azteca com uma capacidade máxima de 5 pessoas, se dirige ao Campo de Gelo Norte, com uma vista panorâmica de picos nevados, lagos, rios e de inumeráveis canais e fiordes da Patagônia.

Os horários de partida são flexíveis e não é necessário minimo de passageiros. E claro, a viagem depende das condições meteorológicas.

Seja qual seja sua forma de viajar a Laguna San Rafael é sem dúvida um destino imperdível, o qual podes ir através de GoChile.cl.